​Últimas Notícias

- Após o fim de semana na Madeira para a assinatura do protocolo do concurso Europe Calling e a terceira edição do Roteiro Geração Madeira, em Bruxelas para uma semana de trabalho de Comissões; - Destaco: debate na Comissão ENVI acerca da utilização do chumbo nos produtos reciclados e o debate sobre o novo plano da Comissão, o Plano Europeu de Combate ao Cancro; e a reunião de trabalho com a Dra. Andrea Ammon, directora da European Centre for Disease Prevention and Control - ECDC.


1 visualizaçãoEscreva um comentário

A eurodeputada socialista esteve hoje reunida com a diretora do Centro Europeu de Controlo e Prevenção de Doenças (European Centre for Disease Prevention and Control - ECDC), Andrea Ammon, onde abordou a situação do Coronavírus.


Na reunião de trabalho foram discutidos os atuais meios disponíveis para a prevenção e controlo desta ameaça, bem como a importância e o papel decisivo que esta entidade tem na pesquisa, e a possível ação no controlo deste surto, para a saúde pública dos cidadãos europeus. Sara Cerdas destacou a “importância de um trabalho articulado entre as diferentes instituições europeias, que permita uma resposta atempada e eficaz para a prevenção e combate deste surto”.


A eurodeputada questionou a Comissão Europeia, no passado dia 21 de janeiro, sobre quais as medidas a implementar para atuar na prevenção da propagação e controlo do coronavírus em território europeu, e para a rápida deteção deste vírus nos diferentes Estados Membros. Na altura da questão, apenas 198 casos tinham sido identificados, todavia hoje sabe-se que o número já atingiu os 24.530 casos, com 493 vítimas mortais.


Na semana passada, na sessão plenária em Bruxelas, a presidente em exercício do Conselho Croata, Nikolina Brnjac, e a Comissária Europeia com a pasta da Saúde, Stella Kyriakides, informaram que a situação está a ser monitorizada em estreita cooperação com os Estados-Membros, autoridades, instituições, órgãos e entidades da UE e com organizações internacionais, como a Organização Mundial da Saúde.


Sara Cerdas admite que “o objetivo, nesta fase, é facilitar a partilha de informações entre os setores relevantes, com base em contribuições de especialistas de todos os serviços da UE, a fim de obter um entendimento comum sobre a situação e os últimos desenvolvimentos”.


A prioridade da Comissão e do Parlamento Europeu consiste em garantir que é prestado todo o apoio necessário aos Estados-Membros. No caso da situação se agravar, serão consideradas todas as ferramentas para fortalecer o apoio aos Estados-Membros, inclusive com financiamento de emergência para apoiar a resposta ao surto e à pesquisa.

7 visualizaçõesEscreva um comentário

O concurso Europe Calling é uma nova iniciativa da responsabilidade do gabinete da Deputada ao Parlamento Europeu Sara Cerdas, em parceria com o Europe Direct Madeira e com a Secretarial Regional da Educação, Ciência e Tecnologia - Direção Regional da Juventude.



A assinatura do Protocolo decorreu esta última sexta feira, na Universidade da Madeira.


O concurso Europe Calling é dirigido às escolas com ensino secundário da Região Autónoma da Madeira, detentoras de um Clube Europeu ou similar, que aborde as temáticas europeias. As equipas, constituídas por 8 alunos e 2 professores responsáveis pela coordenação, terão de realizar um vídeo publicitário, subordinado a uma temática anual, este ano sobre o “Uso de plásticos e proteção ambiental”. O prémio consiste numa viagem e visita ao Parlamento Europeu, em Bruxelas.


Na cerimónia, Sara Cerdas explicou que a iniciativa visa desenvolver o sentido crítico, democrático e criativo dos jovens, e por outro lado consciencializá-los para as temáticas europeias. “No final do concurso, esperamos que os alunos se sintam embaixadores dos valores europeus. A Madeira é Europa, e é através destes concursos que podemos dinamizar ainda mais. Nós, os mais jovens, já nascemos com a União Europeia. Não sabemos a diferença entre o antes, só sabemos o depois, e damos muitas coisas como garantidas.” Destacou também o papel importante dos professores em “moldar a nossa sociedade”, um papel que estes assumem na vida dos alunos como “a nossa educação fora de casa”, e apelou ao seu apoio na divulgação da iniciativa.


Sobre a escolha do Europe Direct Madeira como parceiro neste concurso, Marco Teles agradeceu a eurodeputada, referindo esperar “estar à altura do desafio”. O papel da Europe Direct neste concurso “será dar apoio às escolas participantes”, nomeadamente com informações quanto à temática em foco e sobre o próprio concurso em si.


O Secretário Regional da Educação, Jorge Carvalho, também destacou a importância de parcerias para “desenvolver ou dar dimensão a um conjunto de projetos”, que visam capacitar os alunos e alargar os seus horizontes. “A Sra. Eurodeputada entendeu, e bem, criar um programa para aproximar os jovens do Parlamento, para divulgar também aqueles que são os princípios e os valores preconizados pela União Europeia e, neste caso particular, com preocupações com a literacia ambiental”, referiu.


As inscrições das escolas e respetivas equipas estão abertas até ao dia 19 de fevereiro de 2020, mediante o preenchimento do formulário disponibilizado pela Direção Regional com a tutela da Juventude no seu próprio website. Na próxima semana as escolas serão contactadas, no sentido de disponibilizar o regulamento e demais informações quanto ao concurso.

4 visualizaçõesEscreva um comentário