Sara Cerdas alerta Thierry Breton para a necessidade de um roteiro para o turismo sustentável

Sara Cerdas alertou esta tarde o Comissário Europeu com a pasta do Turismo, Thierry Breton, numa audição na Comissão de Transportes e Turismo (TRAN) do Parlamento Europeu, para a necessidade de desenvolver um roteiro para o turismo sustentável, no âmbito da Estratégia Industrial, que “contenha medidas inovadoras de forma a que haja uma redução da pegada climática e ambiental e que continue a incentivar os investimentos no turismo sustentável, seguindo aqueles que são os exemplos das iniciativas do Parlamento e do Conselho pela Presidência Portuguesa”.


Apesar do setor do turismo ter sido integrado pela primeira vez na estratégia industrial da União Europeia, a eurodeputada do PS apelou à Comissão Europeia para “fazer do turismo uma prioridade” tendo em conta o peso que tem para muitas regiões da UE e para a boa recuperação do setor.


Na sua intervenção, apontou que a Comissão deve incorporar “a conservação da biodiversidade, de forma a promover sinergias entre as atividades humanas e a preservação da natureza” e, neste sentido, questionou “qual será a atenção especial que será dada a regiões com especificidades, tais como as Regiões Ultraperiféricas, que foram aliás das regiões mais afetadas e onde o turismo tem um peso considerável para o seu desenvolvimento económico”.


Sara Cerdas considera que é necessário respostas, apoios financeiros e ações concretas para o setor do turismo. No Parlamento Europeu tem alertado por diversas vezes para a importância de priorizar o turismo e defendido a criação de uma União Europeia para o Turismo, através de uma standardização de procedimentos e de protocolos comuns transversais ao sector do turismo, assim como uma linha de financiamento específica para o mesmo.


Segundo os dados de 2019 disponibilizados pela Comissão Europeia, o turismo contribui em 9,5% para o total do PIB da União Europeia, representa 11,2% do emprego e engloba cerca de 3 milhões de negócios, 90% dos quais são pequenas e médias empresas. Um dia antes da Organização Mundial da Saúde declarar a COVID-19 como pandemia, a Comissão tinha apresentado as bases de uma estratégia industrial destinada a apoiar a dupla transição para uma economia digital e ecológica. Os eurodeputados reuniram-se na Comissão TRAN para debater o impacto do Turismo e da pandemia nesta estratégia.