Sara Cerdas apela à Comissão rubrica específica no orçamento da UE para o Turismo

O Parlamento Europeu avaliou ontem, em plenário, as medidas da União Europeia para o setor do turismo. Sara Cerdas usou da palavra para apelar à Comissão Europeia a criação de uma rubrica específica no orçamento a longo prazo da UE para o turismo, com vista a apoiar as empresas e trabalhadores deste setor.

“Precisamos de uma estratégia europeia para o turismo; de uma rubrica específica no orçamento a longo prazo da UE que dê estabilidade e sustentabilidade ao setor, para que os postos de trabalho sejam salvaguardados e que os desafios específicos das empresas, em particular as micro, pequenas e médias empresas, sejam celeremente ultrapassados”.


A eurodeputada do PS apontou que “a retoma do turismo neste verão foi positiva, mas não o suficiente para recuperar o que foi perdido” e que “o setor do turismo, em particular nas regiões que mais dependem deste, como a Região Autónoma da Madeira, uma região ultraperiférica” sofreram uma crise económica e social sem precedentes.


“Os trabalhadores que direta e indiretamente contribuem para o funcionamento deste setor foram os que mais sofreram as consequências. Com a vacinação a atingir uma cobertura de 80% na Europa e o certificado digital em funcionamento, urge potenciar uma recuperação focada na transição verde e digital.”


Os parlamentares pediram à Comissão Europeia que avalie as medidas adotadas para facilitar as viagens, incluindo o impacto do Certificado Digital COVID-19 e do selo de segurança, durante a época de verão de 2021, as dificuldades encontradas pelos Estados-Membros e pelos viajantes, entre outras questões relacionadas com os recursos para apoiar o ecossistema do turismo.