Sara Cerdas quer confiança no turismo restaurada antes do verão

Sara Cerdas, esta tarde, na Comissão de Transportes e Turismo do Parlamento Europeu, sensibilizou a Comissão Europeia para o estabelecimento de protocolos de higienização e segurança, de forma coordenada e transversal aos diferentes Estados-Membros, para preparar a época estival e restaurar a confiança dos cidadãos no setor.


Na audição a Kerstin Jorna, responsável pela Direção-Geral do Mercado Interno, Indústria, Empreendedorismo e PME (DG GROW) da Comissão Europeia, o foco do debate foi a situação do setor de turismo antes do próximo verão. Na ocasião, a eurodeputada do PS apontou algumas preocupações quanto aos efeitos que se fazem sentir no setor do turismo, especialmente nas Regiões Ultraperiféricas.


“A pandemia colocou o turismo da União Europeia sob uma pressão sem precedentes, e as empresas de turismo enfrentam e continuarão a enfrentar graves problemas de liquidez, principalmente nas regiões fortemente dependentes deste setor, como é o caso das Regiões Ultraperiféricas. A retoma tem de ser feita com foco nestas questões e virada para estas regiões mais afetadas, sem nunca descurar as condições sanitárias para garantir a segurança de todos.”


Antes de questionar sobre o que a Comissão está a desenvolver com vista ao estabelecimento de protocolos de higienização e segurança para garantir a retoma do turismo, a eurodeputada apontou o exemplo “pioneiro” de Portugal na implementação do Selo Clean & Safe, que consiste em distinguir as atividades turísticas que asseguram o cumprimento dos requisitos de higiene e segurança, para prevenção e controlo do vírus e de outras eventuais infeções.


Kerstin Jorna, em resposta aos eurodeputados da Comissão TRAN, vincou a necessidade de restaurar a confiança e definir regras comuns em matéria de saúde e segurança, como é o caso do setor da hotelaria. Neste momento, estão a trabalhar com o CEN - Comité Europeu de Normalização, para estabelecer um selo europeu para o turismo, que prevê estar finalizado em maio, mais ou menos em simultâneo com o Certificado Verde Digital.