Sara Cerdas questiona Comissão Europeia sobre a renovação das embarcações pesqueiras

Após a realização do primeiro Roteiro Geração Madeira, em Câmara de Lobos, a Eurodeputada Socialista Sara Cerdas comprometeu-se junto dos pescadores e armadores a apresentar diretamente à Comissão Europeia as atuais problemáticas que afetam a atividade laboral desenvolvida pelos mesmos.

“Após analisarmos todos os contributos recolhidos na edição em Câmara de Lobos, do Roteiro Geração Madeira, quanto à temática piscatória, verificamos que havia a necessidade de questionar a Comissão Europeia quanto à possibilidade de se implementar um sistema de substituição ou modernização dos motores dos barcos que permita o aumento da sua potência, sem interferir com as quotas de pesca previamente estabelecidas.”


Atualmente, segundo o regulamento União Europeia n.º 508/2014 do Parlamento Europeu e do Conselho de 15 de maio de 2014, relativo ao Fundo Europeu de Assuntos Marítimos e das Pescas, no seu artigo 41º pode ler-se que “o apoio à substituição ou modernização de motores principais ou auxiliares só pode ser concedido a navios pertencentes a um segmento da frota igual ou equivalente com a mesma potência”, ou seja, em termos práticos, um pescador não pode substituir o motor do seu barco por um de categoria e potência superior, o que, segundo os contributos recolhidos aquando do Roteiro Geração Madeira, pode tornar-se num investimento pouco eficiente na eventual renovação das embarcações.


Sara Cerdas alertou ainda a Comissão Europeia para o facto de que “um motor de maior potência poderá traduzir-se em ganhos de eficiência energética, redução das emissões de carbono, maior produtividade e, em traços genéricos, maiores ganhos ambientais”.


De lembrar que a Eurodeputada Socialista pretende criar uma relação bilateral com os madeirenses e porto-santenses, através do Roteiro Geração Madeira e da recolha dos seus contributos no terreno, no sentido de levar as suas problemáticas até as instituições europeias, e também elucidar a população regional sobre os atuais temas em discussão e trabalho no Parlamento Europeu.